Dandelion, é uma garota retraída e machucada pelo passado. Através de seus desenhos, tenta liberar as mágoas e abusos que sofreu na infância e durante sua vida. Ela, só confia em uma pessoa, seu melhor amigo, Stone.
Stone, é um garoto atencioso, que correu atrás da tão sonhada faculdade, para dar um futuro melhor à sua mãe e sua melhor amiga, Dandelion.
Após um trágico acidente, Stone irá precisar superar suas dores, e irá encontrar suporte da pessoa que menos espera, encontrando no caminho, surpresas e segredos.

Dandelion – Dente-de-leão

Ruby Lace

“A vida era delicada como uma pétala de flor, tão fácil de ser arrancada.”

Preciso começar dizendo o quanto estou apaixonada por este livro! Ele foi perfeito do início ao fim, e sinceramente eu não mudaria nada.
Dandelion, apresenta traumas no decorrer da trama, que a fizeram desenvolver a depressão, e o modo como o assunto foi abordado, é realmente muito importante e significativo. Ela é uma garota doce, e é lindo ver como se expressa através dos desenhos.
Stone, é apaixonante. Um garoto sensível e tão dedicado a sua mãe e a melhor amiga. O jeito que descreve seu amor por elas é muito especial.
A autora me pegou de surpresa em muitos momentos no livro, quando você acha que sabe o caminho que a história vai levar, ela vai e te surpreende! A construção dos personagens e o desfecho para cada um deles, foi adequado, e para mim, completamente satisfatório.
Necessito citar as ilustrações lindíssimas que o livro possuí, a cada página, um encanto e sentimento diferente ao vê-las.
Não sei se sou uma pessoa fácil de agradar, mas ultimamente tenho lido livros incríveis, que me trazem muito prazer.

“Você, Dandelion, é a flor mais linda que já vi. Só precisa de um pouco mais de cuidado para desabrochar.”

Deixe uma resposta