O que você faria se descobrisse que em breve ficará cega? Pois foi isso o que aconteceu Victória. Ainda jovem, descobre que possui uma grave doença oftalmológica degenerativa, e a vida que conhecia está prestes a mudar. Mesmo com o apoio de sua mãe e seu noivo, Victória quer de toda forma estar preparada para o que está por vir, por isso procura associações para deficientes visuais, e é aí que conhece um mundo totalmente novo, e nele, o encantador Enrico. Com o passar do tempo, ela percebe que seu noivo não irá suportar a mudança e em meio a surpresas do destino deverá tomar decisões importantes para o que está por vir.

Mais Que Um Olhar

Renata R. Corrêa

“Por mais que seu coração esteja partido, suas esperanças perdidas e sua fé abalada, é preciso seguir em frente.”

Um livro cheio de lições e superação. Renata, nos trouxe brevemente como uma pessoa lida com a deficiência visual, e como as pessoas ao redor podem lidar com isto.
Nossa protagonista, Victória, é uma mulher forte e cheia de garra. Apesar da vida lhe trazer surpresas, ela enfrenta de cabeça erguida e sempre confiante. Sua relação com a mãe é linda, e podemos ver duas amigas de verdade.
Seu relacionamento já não era lá essas coisas, e com a notícia da cegueira, Victoria começa a enxergar as atitudes ao seu redor.
Uma mulher que, em meio ao caos que a vida lhe apresentou, conseguiu se reinventar e seguir em frente, transformando sua vida em tudo aquilo que ela sonhou.
Parabéns a autora por nos apresentar um tema tão importante, como a acessibilidade e empatia com o próximo.

“Quando tudo se complica demais, é normal teremos o que nos aguarda. Mas a vida dá um jeito de nos mostrar que sempre haverá uma maneira de recomeçar.”

2 thoughts on “Resenha | Mais Que Um Olhar, de Renata R. Corrêa

Deixe uma resposta